Leonor Aidos

"Conviver com pessoas completamente diferentes, viver longe de casa, estudar num sistema de ensino flex√≠vel, viver num castelo, estar perto do mar, ajudar a comunidade local, participar em discuss√Ķes com 1001 pontos de vista diferentes... quer dizer, o que h√° para n√£o gostar?!"


Como descreverias os UWC a um amigo?

Os UWC representam uma oportunidade √ļnica de nos ligarmos ao mundo de uma maneira completamente diferente do que se possa imaginar. Contactamos com jovens da nossa idade (e muitas vezes com problemas iguais aos nossos) de todas as partes do mundo. A experi√™ncia UWC faz-nos pensar que estivemos a dormir a nossa vida inteira...

Tendo sido seleccionada, que conselhos darias a alguém que pense candidatar-se aos UWC?

Acho muito importante ter a certeza do se quer antes de se candidatar. Os UWC não são para qualquer um. Há pessoas que simplesmente não têm uma personalidade que se enquadre com esta experiência. Mas desde que haja entusiasmo e vontade de partir à descoberta, eu diria que vale completamente a pena.

O que mais te entusiasma nos dois anos que vais viver num UWC?

Sinceramente, tudo me entusiasma. Conviver com pessoas completamente diferentes, viver longe de casa, estudar num sistema de ensino flex√≠vel, viver num castelo, estar perto do mar, ajudar a comunidade local, participar em discuss√Ķes com 1001 pontos de vista diferentes... quer dizer, o que h√° para n√£o gostar?!

Como pensas educar os teus colegas sobre Portugal?

Já falei sobre Portugal com vários colegas meus e, na minha opinião, não há nada como descrever o nosso país com um pouco de sentido de humor. O que é mais engracado em relação ao meu colégio é que toda a gente descreve o seu país metade com factos interessantes, metade com esteriótipos engraçados... Toda a gente tem a mente tão aberta, que é tudo levado na brincadeira e esta troca de experiências torna-se ainda mais interessante e memorável.

Descreve-te a ti própria daqui a dois anos.

Daqui a 2 anos espero ser mais confiante, independente e ainda mais aberta ao mundo a minha volta. Os UWC tentam sempre abrir-nos ao exterior, dando-nos as ferramentas com que podemos realizar projectos de modo a que nos tornemos mais auto-suficientes. Mas o melhor acerca desta experiência é que somos nós que fazemos a mudanca e acordamos para a vida, os UWC apenas ajudam a essa mudança. E não há nada melhor que sentirmos poder sobre o que fazemos com a nossa vida...



Entrevista realizada a 4 de Setembro de 2011

LeonorAidos2_big

Leonor Aidos

Coimbra

UWC Atlantic College (Reino Unido)